NOTÍCIAS



Prender resolve a criminalidade? Juízes têm debate acalorado no Na Moral


Data da publicação: 25/07/2014
Tamanho da fonte  
Aumentar fonte    Diminuir fonte

 

Prender resolve a criminalidade? Juízes têm debate acalorado no Na Moral

Douglas de Melo Martins, da Comissão Nacional de Justiça, e Fabio Uchoa, da 1ª Vara de Execuções Penais do Rio de Janeiro divergem opiniões. Assista!


25/07/2014 às 00h25 
Atualizado em 25/07/2014 às 00h53
Juízes debatem no Na Moral (Foto: Na Moral/TV Globo)Juízes debatem no Na Moral (Foto: Na Moral/TV Globo)
 

               

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Na Moral desta quinta, 24, reuniu a opinião de juízes sobre o tema “Justiça”. No palco, Bial levantou questões como a redução da maioridade penal e as prisões completamente lotadas do Brasil. De um lado, Douglas de Melo Martins, da Comissão Nacional de Justiça e do outro, Fabio Uchoa, da 1ª Vara de Execuções Penais do Rio de Janeiro.

Em um debate acalorado, Uchoa defendeu a opinião de que o país precisa prender mais: “O doutor Douglas acabou de mencionar que o Brasil tem 550mil pessoas presas. Mas se forem levar em consideração os números de crimes que são praticados a cada dia, mês e ano por todo o país, esse número é muito pequeno. Está faltando mais efetividade nas prisões”.
 

 

Segundo Douglas de Melo, prender não resolve os problemas da criminalidade. “Não concordo com absolutamente nada. A gente reduz tudo à prisão. Temos mais de 150mil pessoas presas no país só por tráfico. Se prender as pessoas tivesse esse efeito intimidador, não teria mais tráfico no Brasil. Se prender mais pessoas resolvesse o problema da criminalidade do Brasil o País já seria o mais seguro do mundo”.

Prisões lotadas

 

“A gente fala muito em impunidade, só que nunca se prendeu tanto. De políticos graúdos a ladrões pés-de-chinelo. As nossas prisões estão abarrotadas. A gente tem mais de 500mil presos espremidos em espaços que deveriam conter 300 mil”, disse Pedro Bial.

Ao ouvir o dado comentado pelo apresentador, Uchoa argumentou, levantando um novo debate: “Não sei também quais são os parâmetros que disseram que a acomodação é para 300. Quais foram os cálculos de metragem que fizeram?”.

Douglas então respondeu ao juiz e foi aplaudido pela plateia: “Esses dados são oficiais. A população paga para cada vaga dessas R$ 50 mil e a manutenção de cada preso custa R$  3 mil por mês”, finalizou.

Douglas de Melo e Fabio Uchoa falam sobre 'Justiça' (Foto: Na Moral/TV Globo)Douglas de Melo e Fabio Uchoa falam sobre 'Justiça' (Foto: Na Moral/TV Globo)


 Imprimir      Voltar      Ir ao topo

Nossos Vídeos


Acesse nossos vídeos...

Nossa Localização


Rua dá Primavera, 72| Monte Castelo - São Luís-MA - Fone (98) 3232-1371/3232-0679.